A cada dia um texto initerruptamente

TODOS OS DIAS UM TEXTO DE PESQUISA

ACOMPANHE NOSSO BLOG PARA RECEBER AS ATUALIZAÇÕES

VOCÊ RADIALISTA AO LADO TEM OS LINKS DOS PROGRAMETES GRAVADOS

Inicio

INICIA DIA 01
DE JANEIRO 2018

Postagem de HOJE

domingo, 29 de abril de 2018

Fatos históricos do dia 29 de abril


Fatos históricos do dia 29 de abril
Morte de Hitchcock
O mestre do cinema de suspense nasceu no dia 13 de agosto de 1899 na Inglaterra e morreu aos 81 anos de idade, em Los Angeles. Entre suas obras, estão clássicos como Festim Diabólico (1948), Janela Indiscreta (1954), O Homem que Sabia Demais (1956), Um Corpo que Cai (1958) e Psicose (1960).

1770 - A Austrália é descoberta pelo capitão James Cook
1793 - Nasce a princesa Maria Teresa, filha de D. João VI e D. Carlota Joaquina
1876 - O Parlamento britânico concede à rainha Vitória, da Inglaterra, o título de Imperatriz da Índia.
1894 - O general Rafael Antonio Gutiérrez é proclamado presidente da República de San Salvador
1901 - Nasce Hiroíto, futuro imperador do Japão.
1907 - Nasce Fred Zinnemann, diretor norte-americano de cinema.
1914 - Nasce o compositor Dorival Caymmi.
1922 - Entra em vigor o Código Penal argentino, sancionado em 30 de setembro de 1921.
1923 - Últimas eleições de deputados na Monarquia espanhola antes da Guerra Civil.
1936 - Nasce o maestro Zubin Mehta.
1942 - II Guerra Mundial: Encontro de Hitler e Mussolini no palácio de Klessheim.
1946 - Começa em Tóquio o processo contra 28 dos dirigentes que atuaram durante a II Guerra Mundial.
1951 - Morre Ludwig Wittgenstein, filósofo austríaco.
1954 - Os Estados Unidos se negam a dar ajuda militar à França na Indochina.
1958 - Nasce Michelle Pfeiffer, atriz norte-americana.
1970 - Nasce Uma Thurman, atriz norte-americana.
1975 - Acaba a Guerra do Vietnã.
1980 - Morre Alfred Hitchcock, mestre britânico do cinema de suspense.
1983 - A Junta Militar que governa a Argentina dá por mortos todos os desaparecidos na "guerra suja".
1992 - Quatro dias de distúrbios raciais em Los Angeles e outras cidades norte-americanas terminam com 58 mortos, 200 feridos graves e danos materiais avaliados em milhares de dólares.
1997 - Entra em vigor o Acordo Internacional sobre Proibição de Armas Químicas. Rússia e Cuba não assinam.