A cada dia um texto initerruptamente

TODOS OS DIAS UM TEXTO DE PESQUISA

ACOMPANHE NOSSO BLOG PARA RECEBER AS ATUALIZAÇÕES

VOCÊ RADIALISTA AO LADO TEM OS LINKS DOS PROGRAMETES GRAVADOS

Inicio

INICIA DIA 01
DE JANEIRO 2018

Postagem de HOJE

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Fatos históricos do dia 30 de Julho



Fatos históricos do dia 30 de julho
Henry Ford
Em 30 de julho de 1863, nasce Henry Ford. Ele cria o seu primeiro motor de dois cilindros em 1893. Na época, Ford era engenheiro-chefe da Detroit Automobile Company. Em 1901, a empresa muda de nome para Ford Motor Company. Em 1915, surge o Modelo T, que garante o sucesso à fábrica Ford.

1762 - Tropas inglesas ocupam a fortaleza do Morro, em Havana, apesar da heróica resistência dos espanhóis.
1784 - Morre Denis Diderot, escritor e enciclopedista francês.
1792 - Uma música escrita sob encomenda por Claude-Joseph Rouget de Lisle torna-se popular quando tropas voluntárias a cantam durante a marcha de Marselha para Paris. A canção, chamada de Marselhesa, passa a ser o símbolo da revolução e é escolhida como o hino nacional da França.
1811 - O líder da independência mexicana Miguel Hidalgo é fuzilado em Chihuahua, junto com outros companheiros, pelos espanhóis.
1863 - Nasce Henry Ford, fabricante de automóveis norte-americano.
1898 - Morre Otto von Bismarck, estadista alemão.
1906 - Gabriel Lippmann apresenta na Academia de Ciências de Paris um método para a reprodução fotográfica a cores.
1907 - Rússia e Japão assinam um tratado sobre a China, que garante a integridade territorial e a liberdade de comércio.
1920 - Tropas chilenas invadem o sul do Peru, em conflito entre os dois países pela posse de Tacna e Arica.
1930 - O Uruguai vence em casa a primeira Copa do Mundo de Futebol.
1932 - Eleições na Alemanha: os nazistas duplicam suas cadeiras (230) no parlamento, o Reichstag, mas não conseguem a maioria, dando início a uma campanha terrorista.
1947 - Ataque militar peruano na localidade equatoriana de El Progreso.
1965 - Estado de sítio em Honduras, após as manifestações que ocorrem em frente ao palácio presidencial.
1967 - Um terremoto assola a costa venezuelana, deixando 80 mortos em Caracas.
1968 - Violenta erupção do vulcão Arenal, na Costa Rica, deixando 70 mortos e 90 desaparecidos.
1973 - O fabricante da talidomida perde uma ação judicial na Inglaterra e é obrigado a pagar indenização a 433 crianças. O remédio, tomado por mulheres grávidas, provocava a deformação dos fetos.
1976 - Acordo de cessar-fogo entre Honduras e El Salvador.
1976 - O Cruzeiro, de Belo Horizonte, ganha a Copa Libertadores da América, vencendo o River Plate, da Argentina, por 3 a 2.
1980 - O Knesset aprova uma lei anexando Jerusalém Oriental ao território israelense. A medida, uma reação nacionalista à devolução do Sinai ao Egito, dificulta o processo de paz no Oriente Médio.
1987 - Explosão de um avião próximo da Cidade do México, deixando 58 mortos e mais de 60 feridos.
1988 - Mônica Lewinsky, ex-estagiária da Casa Branca, entrega ao promotor Kenneth Star o vestido manchado com o sêmen do presidente americano Bill Clinton.
1989 - Os chilenos aprovam por grande maioria (mais de 85 por cento dos votantes) o plebiscito sobre reformas constitucionais.
1997 - Explosão de potentes bombas carregadas por ativistas suicidas do Hamas em um mercado de Jerusalém, deixando 15 mortos e 170 feridos. O governo israelense suspende as negociações de paz com a Autoridade Nacional Palestina (ANP).
2000 - Hugo Chávez é reeleito presidente da Venezuela (59,05% dos votos), frente ao opositor Francisco Arias (38,04%).
2000 - Rubens Barrichello ganha a primeira corrida na Fórmula 1.
2001 - O senado da Argentina aprova o ajuste de gastos públicos para tentar atingir o "déficit zero". Os salários dos funcionários e as pensões superiores a 500 dólares são diminuídos.
2001 - A Corte Suprema do Chile aprova interrogar o ex-secretário de Estado dos EUA, Henry Kissinger, sobre a morte do jornalista norte-americano Charles Horman no Chile, em 1973.